• Logomarca Governo do Estado do RN
  • Governo do Estado do RN
  • May 26 2022 5:33PM

ACERVO DE MATÉRIAS

+

Secretaria Estadual de Saúde do RN participa do Abril Verde

ASSECOM/RN13 Apr 2022 08:23

Divulgação Sesap
As ações acontecem de maneira regionalizada por todo o estado

No período de oito anos, entre 2012 e 2020, o Brasil registrou 5,5 milhões de acidentes de trabalho de pessoas com carteira assinada, vinculadas ao Regime Geral da Previdência Social, que resultaram em R$ 106 bilhões em pagamento de benefícios acidentários. Do total de notificações, 40.332 foram no Rio Grande do Norte, segundo dados do Observatório de Segurança e Saúde no Trabalho. 

Para chamar atenção sobre o problema e conscientizar a população foi criado o Abril Verde em 2003. O mês foi escolhido por conter duas datas importantes para o tema: o Dia Mundial da Saúde (7/4) e o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trabalho (28/4). O símbolo é um laço verde e a cor escolhida representa questões de segurança e saúde do trabalho.

Para celebrar a data, a Secretaria de Estado da Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap), por meio da Subcoordenadoria de Vigilância em Saúde do Trabalhador (Suvist) e Coordenação Estadual do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest/RN), organizou um grupo intersetorial para elaborar uma programação a ser implementada ao longo do mês, com atividades educativas voltadas à prevenção de agravos e acidentes relacionados ao trabalho.

As ações serão regionalizadas e algumas Unidades Regionais de Saúde (Ursap) já iniciaram os trabalhos, como é o caso da 3ª Regional de Saúde, que realizou a abertura do Abril Verde na Câmara Municipal de João Câmara. Na ocasião, foram realizadas atividades voltadas para trabalhadores da saúde. A programação na 3ª Região compreende, ainda, circuito de palestras nos municípios. De acordo com o Observatório de Segurança e Saúde no Trabalho, a atividade econômica com maior número de notificações está relacionada ao atendimento hospitalar. Técnicos de enfermagem e enfermeiros estão entre as 10 ocupações com maior número de notificações no Brasil.

Já a 2ª Região de Saúde, por meio do Cerest Regional de Mossoró, contará com uma programação intersetorial, envolvendo outras secretarias. Em função do impacto da pandemia na saúde física e mental dos trabalhadores dos serviços considerados essenciais, serão realizadas desde atividades educativas até oferta de testes rápidos e vacinas. Haverá também exposição dialogada, com foco na saúde mental, abordando o tema: “O estresse e a saúde do trabalhador da saúde”.

Para fechar o mês, no dia 28, está prevista a realização de um evento no auditório do Ministério Público do Trabalho, envolvendo vários setores da Sesap, em parceria com o Cerest de Natal. Será abordado o tema “Saúde e segurança do trabalhador em tempos de pandemia”, contando com a participação de palestrantes da UFRN, UFPB e da Comissão de Qualidade de Vida do Trabalhador da Sesap.

O evento terá espaço destinado à oferta de práticas integrativas, momento musical e homenagens aos trabalhadores que atuaram no enfrentamento à pandemia, bem como as vítimas de adoecimento e óbitos. Serão convidadas entidades sindicais representantes de diversas categorias profissionais e membros do Conselho Estadual de Saúde, entre outros atores envolvidos.





Notícias do RN